23º TORNEIO DE NATAL

Jan 05, ’19

O Arco Clube das Caldas organizou mais uma edição do já tradicional e muito concorrido TORNEIO DE NATAL, prova de Sala do Campeonato Nacional da Federação Portuguesa de Tiro com Arco. Aconteceu no passado domingo 16 de dezembro no Centro de Exposições do Oeste “EXPOESTE”, com uma participação de 134 arqueiros dos clubes de norte a sul de Portugal incluindo a Madeira, obrigando a organização a realizar 2 sessões de Open antes das Eliminatórias. Como de costume, a prova correu sem incidentes e num ambiente de verdadeira amizade entre todos os participantes. Não faltou o café ou chocolate quentes acompanhados das tradicionais filhós e no final todos levaram para casa uma lembrança em loiça, oferta gentil da Molde. Este ano os prémios foram criados pelo clube organizador, tendo a figura emblemática do Pai Natal mas com pormenores fazendo lembrar Bordalo Pinheiro, personalidade que muito contribuiu para o desenvolvimento das Caldas nos finais do século XIX. O clube local apresentou-se com um conjunto de 12 arqueiros, que tiveram uma boa prestação, merecendo realce a arqueira Isabel ferreira que bateu o Record Nacional de Compound Veteranos Senhoras. Em Robins Recurvo Adriana Medalha ficou em 1º lugar. Em Juvenis Recurvo, Gabrielle Marques posicionou-se da 4ª posição. Francisco Borga ficou em 3º lugar em Cadetes Homens e Bárbara Gomes ficou na 4ª posição em Recurvo Juniores Senhoras. Em Seniores Homens Recurvo, Vitor Félix surpreendeu tudo e todos ficando empatado em 8º lugar no final do Open com a meritória pontuação de 536 pontos, indo a desempate com shot off para entrada nas eliminatórias, tendo perdido, mas assegurando o 9º lugar em 39 concorrentes o que é digno de registo; Márcio Vitorino obteve a 13ª posição e Neal Marques quedou-se pela 31ª posição, por equipas o ACC ficou em 5º lugar. Em Veteranos Homens Recurvo José Ribeiro posicionou-se no 12º lugar. Na divisão Compound Isabel Ferreira 1º lugar em Veteranos Senhoras; em Veteranos Homens José Santos (o arqueiro com mais idade em competição) continua a “dar cartas” ficando em 2º lugar após as eliminatórias, Artur Patriarca subiu ao pódio na 3ª posição e João Gomes em 7º lugar. Por equipas o Arco Clube das Caldas venceu o Real Sport Clube nesta categoria. Vários foram os recordes nacionais batidos, merecendo realce o de Rui Batista do Centro Social de Prime – Viseu com 149 pontos em 150 possíveis na final das Eliminatórias.

Uma palavra de apreço ao grupo que constituiu o STAFF, mais de 20 pessoas, que contribuíram decisoriamente para o sucesso desta organização.

A próxima prova será a 06 de janeiro de 2019 e o ACC será também a entidade organizadora, não estando ainda determinado o local, na Expoeste ou Pavilhão Rª D. Leonor. Convidamos desde já todos os caldenses que não conheçam a modalidade a aparecerem podendo ver os melhores arqueiros do país em competição de entre os quais alguns caldenses.

Se quiserem praticar procurem-nos nas nossas instalações desportivas em S. Cristóvão junto do Cenfim, todos os dias da semana exceto aos domingos

© Copyright ACC 2017